Acesse o novo WebMail Fetrafi-RS
WebMail Fetrafi-RS
   Início        A Fetrafi-RS         Diretoria         Estrutura         Sindicatos         Sistemas Fetrafi-RS    
Porto Alegre, 20\08\2019
Últimas Notícias
Privatização dos bancos públicos: mais de 50% das cidades brasileiras ficarão sem agências
Compartilhe esta notícia no Twetter
Envie esta notícia por E-Mail
Bancos | 24/05/2019 | 17:05:52
Privatização dos bancos públicos: mais de 50% das cidades brasileiras ficarão sem agências
Para o presidente da Fenae, Jair Ferreira, a população será privada de serviços bancários e de políticas sociais em áreas como habitação, educação e esporte
 
 
Números do Banco Central reforçam o que as entidades representativas dos empregados da Caixa Econômica Federal têm repetido diuturnamente: sem bancos públicos não há desenvolvimento econômico e social para o Brasil. Atualmente, dos 5.590 municípios brasileiros, 3.365 (60,2%) contam com uma ou mais agência bancária, 950 municípios (17%) são atendidos apenas por bancos públicos. Caso os bancos públicos sejam privatizados, 57% das cidades brasileiras ficarão sem agências bancárias.
"Isso significa que a população será privada de serviços bancários e de políticas sociais na área da habitação, da educação, do esporte, dentre outras. Os bancos privados não têm interesse em prestar serviços para a população menos favorecida e tampouco se instalar em cidades e bairros afastados dos grandes centros comerciais e financeiros”, alerta o presidente da Federação Nacional das Associações do Pessoal da Caixa Econômica Federal (Fenae), Jair Ferreira.

O dirigente lembra o importante papel dessas instituições no financiamento de projetos necessários ao desenvolvimento econômico, em atividades anticíclicas quando de crises e na bancarização, no acesso da população de menor renda aos programas sociais e às atividades bancárias, suprindo lacunas deixadas pelos bancos privados nacionais e estrangeiros.

Rondônia é um dos estados mais afetados pelo problema.  Dos 15 municípios do estado, apenas seis contam com agências e, em cinco, são só agências de bancos públicos.

"Imagine toda a população do estado ter de ir até a capital para utilizar um banco. É um absurdo. Os bancos precisam existir para a liberação de crédito mais barato e para o atendimento à população em geral”, acrescenta a presidenta da Confederação Nacional dos Trabalhadores do Ramo Financeiro (Contraf-CUT), Juvandia Moreira.
 
Fonte: Fenae
 
 
Conteúdo    
 
 
 
Bancos | 20/08/2019
COE Bradesco se reúne com o banco nesta terça-feira (20)
Entre os principais pontos da pauta está o retorno das reuniões que aconteceram nas federações sobre os planos de saúde e dental
Bancos | 19/08/2019
Banco do Brasil desliga mais de 2,3 mil funcionários
Resultado do Programa de Adequação de Quadros pode agravar ainda mais a situação de trabalho de quem fica
 
 
  Serviços
Acordos e Convenções
Enquetes
Conquistas
Acesso Restrito Interno à Fetrafi-RS
Informativos da Fetrafi/RS
Minutas de Reivindicações
Notas Jurídicas
Ações Trabalhistas Fetrafi/RS
Moções aprovadas em eventos
 
 
Federação dos Trabalhadores e Trabalhadoras em Instituições Financeiras RS
Rua Cel. Fernando Machado nº 820
CEP 90010-320 - Bairro Centro Histórico - Porto Alegre, RS
Fone: (51) 3224-2000 | Fax (51) 3224-6706

Copyright © 2010 Fetrafi. Todos os direitos reservados.
 
Desenvolvimento IDEIAMAIS - Agregando Valor