Acesse o novo WebMail Fetrafi-RS
WebMail Fetrafi-RS
   Início        A Fetrafi-RS         Diretoria         Estrutura         Sindicatos         Sistemas Fetrafi-RS    
Porto Alegre, 23\10\2018
Últimas Notícias
Bancários rejeitam proposta da Fenaban e aprovam calendário do Comando Nacional
Compartilhe esta notícia no Twetter
Envie esta notícia por E-Mail
Campanha Salarial | 09/08/2018 | 13:08:32
Bancários rejeitam proposta da Fenaban e aprovam calendário do Comando Nacional
Categoria quer aumento real, garantia que seus empregos não serão substituídos pela terceirização e não aceitam nenhum direito a menos.
 
Os bancários de todo o Brasil rejeitaram a proposta da Federação Nacional dos Bancos (Fenaban), em assembleias realizadas nesta quarta-feira, dia 8, e aprovaram o calendário de manifestações do Comando Nacional dos Bancários. A categoria se reuniu nas sedes dos sindicatos para avaliar a oferta dos bancos que apenas cobre a inflação nos salários, PLR, vales e demais verbas econômicas, sem aumento real, feita na sexta reunião da mesa única de negociação, realizada na terça-feira (7), em São Paulo.

Os banqueiros também não garantiram que os bancários não serão substituídos por trabalhadores contratados de forma precarizada, a exemplo da terceirização. Além disso, querem alterar cláusulas da Convenção Coletiva de Trabalho (CCT) da categoria, segundo eles, para garantir segurança jurídica, mas sequer apresentaram a redação das modificações. A próxima rodada de negociação ficou agendada para o dia 17 de agosto (sexta-feira).

"O recado está dado: bancários querem aumento real e não aceitam perder direitos. Não vão aceitar receber PLR menor, nem ser substituídos por trabalho precarizado,” afirmou Juvandia Moreira, presidenta da Contraf-CUT e coordenadora do Comando Nacional dos Bancários.

Dia do Basta

Os bancários também votaram pela participação no Dia do Basta, na próxima sexta-feira, 10 de agosto. Aprovaram paralisação parcial. A abertura das agências e dos departamentos bancários será retardada em protesto contra os ataques aos direitos dos trabalhadores e contra o desemprego e a retirada de direitos. O Dia do Basta foi convocado pela CUT e demais centrais sindicais, com apoio das Frentes Brasil Popular e Povo Sem Medo e de vários movimentos sociais.

"A categoria está unida aos demais trabalhadores na luta contra o desemprego que atinge mais de 13 milhões de brasileiros e também contra a retirada de direitos que vem sendo feita pelos golpistas com a aprovação da nova lei trabalhista que libera a terceirização, com o congelamento dos investimentos em saúde e educação e também para defender os bancos públicos contra as privatizações”, disse a presidenta da Contraf.

Defesa dos bancos públicos
 
No dia 15 de agosto será realizado um Dia Nacional de Luta em defesa dos bancos públicos e contra as resoluções 22 e 23 da Comissão Interministerial de Governança Corporativa e de Administração de Participações Societárias da União (CGPAR), em Brasília, em frente ao Ministério da Fazenda e repercutido nos estados que não puderem participar do ato em Brasília. Estas resoluções determinam que empresas estatais reduzam despesas com a assistência à saúde dos trabalhadores; e limita a 6,5% da folha de pagamento a participação no custeio dos planos de súade dos funcionários pelas empresas públicas. Isso afeta tanto a Cassi (plano de saúde dos funcionários do BB), quanto o Saúde Caixa.
 
Mobilização dos bancários no Dia do Basta, em Porto Alegre – Sexta-feira, 10/8

7h: Concentração dos bancários na Praça da Alfândega, Centro Histórico de Porto Alegre, entre a Caixa e o Banrisul. Organização e saída de caravanas para formação de piquetes e reuniões de esclarecimento e convencimento em agências bancárias.

8h30: Ato do Dia do Basta em frente à sede da Fecomércio no Centro Histórico de Porto Alegre. Após o ato, caminhada até o Palácio Piratini para Ato contra o desmonte do patrimônio público.

10h30: Caminhada até a sede do Tribunal Regional do Trabalho de Porto Alegre, para ato, organizado pelo próprio TRT, para defender a Justiça do Trabalho e os direitos sociais.

11h: Vigília para acompanhar segunda mesa de negociação dos Banrisulenses. Bancários de bancos púbicos e privados se concentram em frente à sede da Associação dos Bancos do RS (ASBANCOS), na Rua dos Andradas, 1.234, Centro Histórico de Porto Alegre. 
 
Confira a posição de cada sindicato do Rio Grande do Sul na Assembleia desta quarta-feira, dia 8:
Image and video hosting by TinyPic
Informações: Contraf-CUT e Sindbancários Porto Alegre
Foto: Comunicação SindBancários Porto Alegre
 
 
Conteúdo    
 
 
 
Campanha Salarial | 28/09/2018
Fetrafi-RS avalia consequências da Campanha Salarial 2018
Publicação traz detalhes sobre as dificuldades de negociação diante da nova legislação trabalhista.
Campanha Salarial | 17/09/2018
Assinado acordo específico do Santander
Banco se compromete a debater com representantes dos trabalhadores antes de qualquer mudança que tenha como base a nova lei trabalhista.
 
 
  Serviços
Acordos e Convenções
Enquetes
Conquistas
Acesso Restrito Interno à Fetrafi-RS
Informativos da Fetrafi/RS
Minutas de Reivindicações
Notas Jurídicas
Ações Trabalhistas Fetrafi/RS
Moções aprovadas em eventos
 
 
Federação dos Trabalhadores e Trabalhadoras em Instituições Financeiras RS
Rua Cel. Fernando Machado nº 820
CEP 90010-320 - Bairro Centro Histórico - Porto Alegre, RS
Fone: (51) 3224-2000 | Fax (51) 3224-6706

Copyright © 2010 Fetrafi. Todos os direitos reservados.
 
Desenvolvimento IDEIAMAIS - Agregando Valor